Portal NippoBrasil - OnLine - 19 anos
Sábado, 27 de novembro de 2021 - 6h05
  Empregos no Japão

  Busca
 

SEÇÕES
Comunidade
Opinião
Circuito
Notícias
Agenda
Dekassegui
Entrevistas
Especial
-
VARIEDADES
Aula de Japonês
Automóveis
Artesanato
Beleza
Bichos
Budô
Comidas do Japão
Cultura-Tradicional
Culinária
Haicai
História do Japão
Horóscopo
Lendas do Japão
Mangá
Pesca
Saúde
Turismo-Brasil
Turismo-Japão
-
ESPORTES
Copa 2014
-
ESPECIAIS
Imigração
Tratado Amizade
Bomba Hiroshima
Japan House
Festival do Japão
-
COLUNAS
Conversando RH
Mensagens
Shinyashiki
-
CLASSIFICADOS
Econômico
Empregos BR
Guia Profissionais
Imóveis
Oportunidades
Ponto de Encontro
-
INSTITUCIONAL
Redação
Quem somos
-
 
Hachizuke, o deus Inari

Adaptação livre de Claudio Seto
(Texto e desenhos: Claudio Seto)

 

Há muitos e muitos anos, havia um castelo de nome Obana no feudo de Wakasa, onde hoje é a província de Fukui. Naquela época, o senhor do castelo era obrigado a passar meio ano em Edo, então capital do Japão, por determinação do xogum Tokugawa.

Assim, quando o feudatário estava ausente, os vassalos cuidavam do castelo, porém não tomavam nenhuma decisão importante sem a ordem do senhor. Essa ordem chegava via postal, trazida por um carteiro da capital. Nessa época, demorava em média 15 a 16 dias para um carteiro ir correndo de Edo a Wakasa.

Quando os conselheiros discutiam uma maneira de encurtar o tempo, Hachizuke pediu uma audiência e disse:

– Posso entregar as mensagens ao senhor em cinco ou seis dias. Encarreguem-me dessa missão e não se arrependerão.

Os conselheiros não acreditaram muito na história, mas, como não tinham outra alternativa, resolveram arriscar, enviando uma mensagem a Edo.

Hachizuke saiu correndo, cortando campos, montanhas e rios sem passar pelas tortuosas estradas e evitando povoados e multidões das cidades que ficavam na rota tradicional. Conseguiu avançar cem milhas por dia, e os conselheiros ficaram muito felizes com seu trabalho.

Certa ocasião, um dos conselheiros disse a Hachizuke:

– Você é uma grande ajuda para nosso castelo. Fico preocupado que algo de mal possa acontecer a você e atrapalhar seu trabalho.

– Bem, eu não gosto de cães. Fico receoso, imaginando que um cachorro que está amarrado numa estalagem em Odawara possa se soltar e barrar meu caminho. Credo, como são repugnantes os cachorros!

– Nossa! Você tem mesmo medo de cão. Que coisa estranha – observou o conselheiro.

O tempo foi passando e Hachizuke prestou relevantes serviços ao Castelo de Obana. Certo dia, quando ele partiu para mais uma missão de Wakasa a Edo, percorreu como o vôo de um pássaro campos e montanhas. Quando chegou na estalagem em Odawara, um fato inesperado aconteceu. O cão soltou-se das amarras e avançou latindo para Hachizuke. O rapaz pensou em correr para a estrada, mas era tarde, estava cercado. Então, o carteiro entrou num buraco sob o assoalho da estalagem, na tentativa de se esconder do cão. Mas o cachorro também entrou embaixo do assoalho, em seu encalço. Foi uma barulheira danada naquele local.

Quando o silêncio voltou a reinar sob o assoalho, o cachorro saiu debaixo dele com uma raposa branca na boca. O dono da estalagem encontrou uma caixa amarrada no pescoço da raposa. Ao abri-la, constatou que era uma importante carta para o senhor que estava em Edo. Então, o homem levou a carta para o magistrado.

Assim, o mistério da rapidez do carteiro do Castelo de Obana estava desvendado. Hachizuke era, na verdade, uma raposa branca encantada. Por isso era atravessava campos e montanhas com incrível rapidez.

– Que exemplo digno a ser seguido! Trabalhou duramente para servir o senhor de Obana – disse o magistrado, com admiração.

Hoje, existe um santuário dedicado ao deus Inari Hachizuke, onde outrora existiu o Castelo de Obana..

 
Adaptação livre de Claudio Seto

Arquivo NippoBrasil - Edição 314 - 22 a 28 de junho de 2005
Lendas do Japão
Arquivo Nippo - Edição 320
O Tengu Azul e o Tengu Vermelho
Arquivo Nippo - Edição 318
O cúmulo da cortesia
Arquivo Nippo - Edição 316
O desejo de visitar o Grande Santuário de Ise e morrer
Arquivo Nippo - Edição 314
Hachizuke, o deus Inari
Arquivo Nippo - Edição 312
Kin no kamikazari
Arquivo Nippo - Edição 310
Shizuka-gozen e Sato Tadanobu - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 308
Shizuka-gozen e Sato Tadanobu - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 306
O incêndio de furisode
Arquivo Nippo - Edição 304
Um lírio de 33 flores
Arquivo Nippo - Edição 302
Ôoka Tadasuke e o caso do cheiro roubado
Arquivo Nippo - Edição 300
Zashiki Warashi
Arquivo Nippo - Edição 298
A Tartaruga e a Garça (Kame-san to Tsuru-san)
Arquivo Nippo - Edição 296
O Kozo e a Yamanbá
(parte final)
Arquivo Nippo - Edição 294
O Kozo e a Yamanbá
(parte 1)
Arquivo Nippo - Edição 292
A história de Shiro (Parte final)
Arquivo Nippo - Edição 290
A história de Shiro (Parte 1)
Arquivo Nippo - Edição 288
A bela mulher do desenho
(Parte Final)
Arquivo Nippo - Edição 286
A bela mulher do desenho
(Parte 1)
Arquivo Nippo - Edição 284
A lenda do Nobre Galo
Arquivo Nippo - Edição 282
O rei das trutas iwana
Arquivo Nippo - Edição 280
O gato assombrado de Nabeshima
Arquivo Nippo - Edição 278
Tanokyu e a serpente gigante
Arquivo Nippo - Edição 276
Anchin e Kiyohime
Arquivo Nippo - Edição 274
O legendário Hidesato
Arquivo Nippo - Edição 272
A princesa Peônia
- Parte Final
Arquivo Nippo - Edição 270
A princesa Peônia
- Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 268
A tennin e o pescador
Arquivo Nippo - Edição 266
Kitsune Tokoya
Arquivo Nippo - Edição 264
A Gata Encantada
Arquivo Nippo - Edição 262
Kinuhime, a deusa da seda
Arquivo Nippo - Edição 260
Os ratos sumotoris
Arquivo Nippo - Edição 258
A origem da estrela-do-mar
Arquivo Nippo - Edição 256
O leque mágico
Arquivo Nippo - Edição 254
Guengoro e o tambor encantado
Arquivo Nippo - Edição 252
O nascimento de Zenshi no Mikoto
Arquivo Nippo - Edição 250
Toguênkyo - Parte Final
Arquivo Nippo - Edição 248
Toguênkyo - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 246
Warashibe Choja - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 244
Warashibe Choja - Parte 1


A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippo.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2021 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados