Portal NippoBrasil - OnLine - 17 anos
Quinta-feira, 22 de junho de 2017 - 8h58
  Empregos no Japão

  Busca
 
  Seções NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Budô
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   120 anos de Amizade  Japão-Brasil
   Bomba de Hiroshima
   Japan House
   Festival do Japão 2016
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
 Veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos


Arquivo NippoBrasil - Edição 083 - 14 a 20 de dezembro de 2000
 
Shao Lin do Norte
 

História
Ao Norte da China, entre cinco cordilheiras, está localizada a província de Honan. Por ser um lugar geograficamente privilegiado e se tratando de um ponto importante nos estratagemas militares, Honan serviu como berço e moradia para muitos imperadores que se instalaram na cidade de Lo-Yan.

Conta-se que as artes marciais eram privilégio de poucos, atingindo somente os nobres. Com o passar dos anos, as artes marciais tornaram-se de grande valia para revoluções, conspirações e também para manter a ordem entre a população.

Segundo a história chinesa, um imperador com tendências religiosas, determinou que fosse contruído um Templo de formação Budista.

O templo foi construído próximo à cidade de Lo-Yan, em uma pequena floresta do Monte Son, por volta de 527 dC, recebendo o nome da mesma - Templo de Shao Lin (Pequena Floresta). Com o passar dos anos, e devido a debilidade física dos monges, resultante do sedentarismo, foi necessário a implantação de exercícios marciais.

Como o templo ocupava uma região muito grande, os monges completamente auto-suficientes e vivendo apenas nos seus limites, iniciaram a prática integral das técnicas marciais, que foi rapidamente aprimorada. Com a evolução das artes marciais, Shao Lin alcançou uma posição de destaque, todavia, o Wu Shu (arte marcial) de Shao Lin era ensinado apenas aos monges e noviços do mosteiro, até que um abade superior de nome Chaur Yuan resolveu abrir as portas do templo e ensinar a pessoas não-iniciadas. Isto possibilitou pessoas menos privilegiadas aprenderem esta arte tão famosa, ocasionando uma grande revolução no mundo das artes marciais, tornado-as populares e abrindo caminhos para a formação de grandes mestres.


Foto rara de Ku Yu Cheung demonstrando um quebramento por meio da temida técnica da Palma-de-Ferro

Grandes Mestres
Kan Fon Hsi foi o primeiro aluno do Ábade Chaur Yuan, e um dos “sete heróis” de seu tempo. Uma das passagens de sua vida foi uma luta travada com o famoso monge Bai-Mei, do templo Shao Lin de Fukien. Conta-se que utilizaram técnicas tão violentas que, não fosse o absoluto domínio de Chi-Kung, técnica de domínio da energia vital “Chi” (ki) através da respiração, por ambos, haveria danos mortais.

Grão-mestre Kan passou sua arte para Man Pon Choy, seu melhor aluno e herdeiro de todo o conhecimento, que por sua vez transmitiu seus conhecimentos e técnicas para Yin Ta Kung utilizar no negócio de escolta a caravanas comerciais. Grão-mestre Yin ensinou a Yin San Fook, seu filho e herdeiro que transmitiu seus conhecimentos para Yin Kai Wun. Yin Kai Wun foi grande amigo do mestre Ku Lei Chi, famoso guardião de caravanas, mestre de amplo domínio na técnica de chutes. O Grão-mestre Ku Yu Cheung, filho de Ku Lei Chi, recebeu seu aprendizado de Yin Kai Wun, além de aprender outros estilos dos principais mestres de seu tempo: Lee Kim Lam, um dos maiores espadachins da história da China (Pa-ki e Tai-Chi-Chuan), Sun Lu Tang (Pa Kua), Chin Hsiah Teah (Hsing-Yi) e seu próprio pai Ku Lei Chi ( Tan Tui e Cha Chuen).

Ku Yu Cheung era conhecido como o primeiro dos “cinco tigres do norte”, e se tornou famoso pelo domínio do “Chi” que lhe permitia façanhas como:

• Quebrar pilhas de tijolos refratários, apoiados diretamente no chão;
• Suportar com a cabeça e os pés, em forma de “ponte”, quatro homens sobre uma pedra em seu corpo (300 kg aproximadamente);
• Suportar o peso de um automóvel sobre o abdômen.

O sucessor de Grão-mestre Ku Yu Cheung foi Yang Sheung Mo, “cabeça de ferro”, que aos 35 anos perdeu um combate para Ku Yu Cheung e se tornou seu aluno e herdeiro do estilo Shaolin do Norte. A exemplo de seu mestre, Yang Sheung Mo também estudou os principais estilos dos grandes mestres de sua época: Tam Sam (Bak Sing Choy Lay Fut), Wong Lai Shen (Zhuran Men) e Chiu Yam Chao (Luo-Hap).

Budô
Arquivo Nippo - Edição 88
Boxe - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 87
Boxe - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 86
Kenpo Havaiano
Arquivo Nippo - Edição 85
Capoeira
Arquivo Nippo - Edição 84
Muay Thai: boxe tailandês
Arquivo Nippo - Edição 83
Shao Lin do Norte
Arquivo Nippo - Edição 82
Garra de Águia: um dos mais temidos estilos do Kung Fu
Arquivo Nippo - Edição 81
Louva-a-Deus do Norte: Sistema Tradicional de Kung Fu Chinês
Arquivo Nippo - Edição 80
Seiwakai: Karatê de Combate
Arquivo Nippo - Edição 79
Hung Gar: O sistema marcial da Família Hung
Arquivo Nippo - Edição 78
Kung Fu: Artes marciais chinesas do Templo Shao Lin
Arquivo Nippo - Edição 77
Krav Maga: defesa pessoal israelense
Arquivo Nippo - Edição 76
Ninjutsu: arte marcial dos ninjas
Arquivo Nippo - Edição 75
Savate: boxe francês
Arquivo Nippo - Edição 74
Jojutsu: técnica japonesa de luta com bastão
Arquivo Nippo - Edição 73
Kombato: arte militar de defesa pessoal
Arquivo Nippo - Edição 72
Qwan Ki Do: arte marcial vietnamita
Arquivo Nippo - Edição 71
Naguinata: arte marcial japonesa criada na idade média
Arquivo Nippo - Edição 70
Hapkidô: arte marcial coreana especializada em defesa pessoal
Arquivo Nippo - Edição 69
Tai Chi Chuan - Arte Marcial da Longevidade
Arquivo Nippo - Edição 68
Karatê - Seido Juku
Arquivo Nippo - Edição 67
Karatê - Shorin-Ryu
Arquivo Nippo - Edição 66
Karatê - Kyokushin
Arquivo Nippo - Edição 65
Karatê - Goju Ryu
Arquivo Nippo - Edição 64
Karatê - Shotokan
Arquivo Nippo - Edição 63
Karatê - Shito Ryu
Arquivo Nippo - Edição 62
Karatê - Wadô-Kai
Arquivo Nippo - Edição 60
Jiu-Jitsu
O estilo da família Gracie
Arquivo Nippo - Edição 59
Sumô
Arquivo Nippo - Edição 58
Ving Tsun
Arquivo Nippo - Edição 57
Iaido
Arquivo Nippo - Edição 56
Taekwondo
Arquivo Nippo - Edição 55
Judô
Arquivo Nippo - Edição 54
Aikido

A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippobrasil.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2017 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

108 usuários online


Redação: editor@nippo.com.br

Diretoria: diretoria@nippo.com.br

Vendas: anuncie@nippo.com.br

Tel: (11) 9 5371 4019 (TIM)

Mais contatos e envio de releases