PORTAL NIPPO-BRASIL - 19 ANOS ONLINE

Horário de Brasília: Terça-feira, 06 de dezembro de 2016 - 17h48
Seções

Entre em contato
com a redação:
campo@nippo.com.br

Campo NippoBrasil - 11/11/2016
 
Sebrae/RJ lança o movimento Consuma Orgânicos do Rio, um conceito que estimula o consumo local
 

O Sebrae/RJ lançou, dia 9/11, um conceito Consuma Orgânicos do Rio, uma iniciativa para identificar os produtos orgânicos do Rio de Janeiro. Segundo a gestora estadual do Projeto de Orgânicos do Sebrae/RJ, Ana Carolina Damasio, este movimento tem, entre seus objetivos, estimular o consumo de produtos locais, que estejam mais próximos ao consumidor. “O objetivo é mostrar aos consumidores os benefícios que o consumo local pode trazer, como o acesso a produtos mais frescos e saudáveis, além da promoção da sustentabilidade social, econômica e ambiental”, explicou Ana Carolina durante o 2ª dia do Seminário Do Campo à Mesa: Gastronomia e Orgânicos.

A iniciativa faz parte do projeto Fortalecimento da Cadeia de Orgânicos, já desenvolvido pelo Sebrae/RJ em todo o estado. Este projeto apoia os produtores, em todos os níveis da cadeia produtiva, com o objetivo de facilitar o escoamento de sua produção e aproximando o produtor do consumidor. Como parte das ações do movimento Consuma Orgânicos do Rio, o Sebrae/RJ desenvolveu uma estratégia de promoção de acesso a mercado para articular e posteriormente criar uma base de fornecedores para atender a demanda de compra além de cartilha e ações promocionais. “Queremos aproximar o produtor do consumidor, seja ele restaurantes, lojas, mercados ou mesmo o consumidor final, e garantir o abastecimento da demanda local”, acrescentou Carolina. Para obter outras informações ou fazer sugestões, os interessados podem entrar em contato através do email: organicosdorio@rj.sebrae.com.br.

Circuito orgânico – Outra iniciativa do Sebrae/RJ que também estimula o consumo local é o Circuito Cardápios Sustentáveis, uma ação que integra o food service (alimentação fora do lar) com a produção agrícola orgânica local. Esta ação mapeia tudo o que é produzido no estado para desenvolver a relação entre o comprador e o fornecedor, através de Comitês de Negociação e uma Central de Informação Compartilhada. Como resultado há uma melhoria contínua dos processos de produção e uma maior competitividade das empresas.

Com isso, o agricultor sabe qual é a demanda desse mercado e onde ele está, enquanto os empresários tem conhecimento do que é possível comprar dentro do estado. “O trabalho é desenvolvido através da produção de diagnósticos de oferta e demanda, onde o Sebrae/RJ consegue buscar a aproximação entre produtores e proprietários de bares e restaurantes “, explicou a consultora Daniela Ribas.

A iniciativa faz parte do Projeto Sebrae na Mesa, que hoje atende quase 2 mil empresas em 32 polos gastronômicos em todo o estado e é voltado para o desenvolvimento de soluções empresariais com foco no aprimoramento da capacidade produtiva, comercial e promocional, segundo a gestora estadual do projeto, Louise Nogueira.

Outras informações sobre o Circuito podem ser obtidas no Sebrae/RJ nos telefones: 24- 2237-0062 (Petrópolis) e 21-2643-4979 (Teresópolis).


Arquivo