Portal NippoBrasil - OnLine - 19 anos
Terça-feira, 10 de dezembro de 2019 - 0h42
  Empregos no Japão

  Busca
 

SEÇÕES
Comunidade
Opinião
Circuito
Notícias
Agenda
Dekassegui
Entrevistas
Especial
-
VARIEDADES
Aula de Japonês
Automóveis
Artesanato
Beleza
Bichos
Budô
Comidas do Japão
Cultura-Tradicional
Culinária
Haicai
História do Japão
Horóscopo
Lendas do Japão
Mangá
Pesca
Saúde
Turismo-Brasil
Turismo-Japão
-
ESPORTES
Copa 2014
-
ESPECIAIS
Imigração
Tratado Amizade
Bomba Hiroshima
Japan House
Festival do Japão
-
COLUNAS
Conversando RH
Mensagens
Shinyashiki
-
CLASSIFICADOS
Econômico
Empregos BR
Guia Profissionais
Imóveis
Oportunidades
Ponto de Encontro
-
INSTITUCIONAL
Redação
Quem somos
-
Arquivo NippoBrasil - Edição 256 - 5 a 11 maio de 2004
 
Rainha Himiko
A lendária rainha de Yamatai foi escolhida
para governar a nação no século III
 


Rainha Himiko teve uma vida muito longa, alimentando-se de soja, verduras e arroz

 


Selo de ouro dado por imperador chinês é a única prova de que Himiko realmente existiu

 

Arquivo NippoBrasil

Este episódio do Japão, encontrado em manuscritos da China, é famoso por contar a história de um governo que restaurou a paz no arquipélago japonês, antes dominado por sangrentas batalhas.

Por volta do anno Domini (século I), havia em Wa (denominação dada pelos chineses ao arquipélago japonês) mais de cem pequenas nações (tribos). A partir do final da Era Yayoi (século III), estas pequenas nações começaram a ser, pouco a pouco, subjugadas por outras mais poderosas. Dentre elas, destacou-se a nação Yamatai, governada por uma rainha chamada Himiko, que dominava mais de 30 nações.

A nação Yamatai, no início, era governada por um homem. Porém, as intermináveis batalhas que tomavam conta de todo o país fizeram com que os chefes das nações pertencentes a Yamatai elegessem uma mulher como líder. Assim, início do século III, Himiko foi escolhida para governar a nação.

Uma aura de mistério foi criada à volta de Himiko, pois ela morava num casarão cercado por muros altos e fortemente protegido por soldados, tendo a seu serviço perto de mil escravos. Ela nunca se casou e manteve-se isolada do mundo exterior. Todas as mensagens eram transmitidas por seu irmão, um fiel aliado e seu assessor direto. Himiko tornou-se uma espécie de xamã da nação, pois, sempre que lhe era pedido um conselho, ela retirava-se no oráculo, rezava a noite inteira e transmitia as revelações divinas na manhã seguinte, por intermédio de seu irmão. Acredita-se que ela realmente possuía o poder de prever o futuro, pois as medidas e as decisões tomadas mostravam-se sempre corretas.

Após a elevação de Himiko ao governo de Yamatai, a paz reinou no Japão. Para consolidar o seu poder, em torno de 239, Himiko mandou uma missão à distante Wei, uma das nações da China. Nesta época, a região estava dividida em três nações: Wu (em japonês “Go”= ), Shu (em japonês “Shoku”= ) e Wei (em japonês Gi = ), sendo esta última considerada a mais poderosa dentre as três.

A missão fez uma viagem de muitos meses pelo mar e depois por terra, finalmente chegando à capital Loyang. Lá, conseguiram uma audiência com o imperador de Wei e entregaram-lhe os presentes oferecidos pela rainha Himiko. Segundo o registro desse país, os presentes oferecidos foram: quatro escravos, seis escravas e tecidos. O imperador de Wei, por sua vez, retribuiu os presentes enviados pela rainha, concedendo-lhe o título de Shingiwao, ou seja, “Rainha de Wa (Japão), da nação aliada de Wei”. Além do título, presenteou-a com um selo de ouro e cem espelhos de cobre considerados sagrados.

A paz que havia voltado ao Japão após o reinado de Himiko foi rompida pela rebelião da nação vizinha Kunakoku. A batalha foi bastante violenta e, para conter o inimigo, por volta de 247, a rainha Himiko pediu ajuda ao reinado de Wei (China). O imperador declarou o seu pronto apoio enviando ao Japão a tropa chinesa comandada por Chang Cheng. Com esse reforço do país aliado, Himiko conseguiu superar a crise.

Não se sabe com exatidão quantos anos a rainha Himiko viveu, porém, supõe-se que ela tenha tido uma vida bastante longa. Quando Himiko morreu, um grande túmulo foi construído e foram enterrados com ela mais de cem escravos.

Após a sua morte, um homem assumiu o poder em Yamatai. Entretanto, logo reiniciou-se a guerra das nações pelo poder. O conselho reuniu-se e resolveu colocar no trono uma outra mulher. A escolhida foi Iyo, uma menina de apenas 13 anos, que conseguiu em seu governo restabelecer a paz seguindo a mesma linha política adotada pela rainha Himiko.

Sabe-se da existência da nação chamada Yamatai e da rainha Himiko por registros da história de Wei (China); entretanto, até hoje é desconhecida a localização exata da nação Yamatai no arquipélago japonês. Existem duas teorias quanto à sua localização: uma é a de que ela existiu ao norte da ilha de Kyushu (abrangendo as províncias de Oita, Fukuoka, Saga, Nagasaki, Kumamoto, Kagoshima e Miyazaki); e a outra, na região de Kinki (abrangendo as províncias de Quioto, Nara, Shiga, Osaka, Hyogo, Mie e Wakayama).

Como viviam os japoneses no século III?
Registro de Wei – relatos sobre Wa (Gishi Wajin-Den).

Os homens de Wa não usavam chapéus, amarravam uma tira de tecido na testa e cobriam-se com tecidos enrolados ao corpo e amarrados na cintura. As mulheres vestiam roupas feitas com tecido bem largo, com um corte no meio do pano, por onde passavam a cabeça para vesti-las. Plantavam pés de arroz e cânhamo e criavam bichos-da-seda. Quando as pessoas de hie-rarquia superior passavam pela rua, as de classes inferiores escondiam-se atrás de moitas e, ao dirigirem-lhes a palavra, ajoelhavam-se com as mãos apoiadas no chão.

O que Himiko comia?
A rainha de Yamatai teve, para a época, uma vida muito longa, alimentando-se basicamente de soja, verduras e arroz. Além desses pratos triviais, peixes também eram servidos, ou seja, desde aquela época, os pratos principais dos japoneses eram à base de arroz, soja, verduras e peixes.

 
História do Japão
Arquivo Nippo - Edição 266
Era Nara - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 264
Príncipe Shôtoku
Arquivo Nippo - Edição 262
Era Asuka
Arquivo Nippo - Edição 260
Era Kofun - Tumbas: símbolos de poder
Arquivo Nippo - Edição 258
Rainha Himiko
A lendária rainha de Yamatai
Arquivo Nippo - Edição 256
Era Yayoi - Desenvolvimento japonês
Arquivo Nippo - Edição 254
A criação do mundo segundo a mitologia japonesa
Arquivo Nippo - Edição 252
O Alvorecer do Japão
Arquivo Nippo - Edição 250
Cronologia: As eras no Japão
Mitologia
Arquivo Nippo - Edição 106
Jinmu Tenno - O Primeiro Imperador do Japão - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 105
Jinmu Tenno - O Primeiro Imperador do Japão - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 96
Caminhar sobre as águas
Arquivo Nippo - Edição 95
Verão: Ode à Hototoguissu
Parte Final
Arquivo Nippo - Edição 94
Verão: Ode à Hototoguissu
Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 96
Haruyama e Akiyama
Parte Final
Arquivo Nippo - Edição 95
Haruyama e Akiyama
Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 94
Haruyama e Akiyama
Prólogo
Arquivo Nippo - Edição 93
O chapéu ouvidor
Arquivo Nippo - Edição 92
A flor da honestidade
Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 91
A flor da honestidade
Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 90
Tarai Kaburi Hime: A Princesa Cabeça de Tina - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 89
Tarai Kaburi Hime: A Princesa Cabeça de Tina - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 88
Jingû Kogo. A imperatriz guerreira
Arquivo Nippo - Edição 88
Yamato Takeru no Mikoto: O Príncipe Valente - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 87
Yamato Takeru no Mikoto. O Príncipe Valente
Arquivo Nippo - Edição 87
As pedras de Ryoanji
Arquivo Nippo - Edição 86
Kaguya Hime - Parte 3
Arquivo Nippo - Edição 85
Kaguya Hime - Parte 2
Arquivo Nippo - Edição 84
Kaguya Hime - Parte 1
Arquivo Nippo - Edição 83
Mino no Mamushi: A Cobra Venenosa de Mino
Arquivo Nippo - Edição 78
Pré-história do Japão - 8
Parte 2:
Ukemochi no Mikoto

A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippobrasil.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2019 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados

192 usuários online