Portal NippoBrasil - OnLine - 19 anos
Segunda-feira, 21 de junho de 2021 - 12h19
  Empregos no Japão

  Busca
 

SEÇÕES
Comunidade
Opinião
Circuito
Notícias
Agenda
Dekassegui
Entrevistas
Especial
-
VARIEDADES
Aula de Japonês
Automóveis
Artesanato
Beleza
Bichos
Budô
Comidas do Japão
Cultura-Tradicional
Culinária
Haicai
História do Japão
Horóscopo
Lendas do Japão
Mangá
Pesca
Saúde
Turismo-Brasil
Turismo-Japão
-
ESPORTES
Copa 2014
-
ESPECIAIS
Imigração
Tratado Amizade
Bomba Hiroshima
Japan House
Festival do Japão
-
COLUNAS
Conversando RH
Mensagens
Shinyashiki
-
CLASSIFICADOS
Econômico
Empregos BR
Guia Profissionais
Imóveis
Oportunidades
Ponto de Encontro
-
INSTITUCIONAL
Redação
Quem somos
-

Cardiologista explica sobre a importância da vacinação em pessoas cardíacas


Dr. Roberto Yano alerta que Covid-19 pode desencadear miocardite, além de evoluir para quadros de insuficiência cardíaca

Texto e imagem: Divulgação/MF Press Global, escrito por Fabiano de Abreu

A vacinação no Brasil já começou para os profissionais da saúde e indígenas espalhados por todos o país, após aval concedido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), durante a 1ª Reunião Extraordinária Pública da Diretoria Colegiada, realizada na manhã de 17 de janeiro, que autorizou o uso emergencial das vacinas de Oxford-AstraZeneca, da Fiocruz, e a Coronavac, do Instituto Butantan.

Pessoas com comorbidades — que incluem entre outros, diabéticos, hipertensos e pacientes com problemas cardiovasculares — devem ser contemplados com a imunização apenas na fase três, que deve ocorrer próximo ao mês de junho caso as estimativas se confirmem. Para o cardiologista Dr. Roberto Yano, apesar do prazo não ser o mais adequado, a imunização poderá ser a diferença entre a vida e a morte de pacientes com doenças cardíacas.

"O sistema de vacinação em nosso país é exemplo a ser seguido por outras nações. É claro que o ideal seria que a vacina fosse disponibilizada de forma integral e imediata a todos os brasileiros. Mas lidamos com uma situação delicada no momento, que é da indisponibilidade das doses para todos", analisa.

"A maioria dos cardiopatas tem mais de 60 anos, se pensarmos dessa maneira, boa parte deles será vacinado antes do prazo estipulado, visto que pessoas entre 60 e 74 anos fazem parte da segunda fase e pessoas acima de 75 anos se encaixam na primeira fase da vacinação", completa o médico.

Mas afinal, por que pessoas com doenças cardiovasculares e do coração estão no grupo de risco?

O cardiologista Dr. Roberto Yano explica que pessoas com problemas cardiovasculares ou do coração tem maior probabilidade de evoluir para as formas graves da doença, no pior dos cenários à Síndrome da Insuficiência Respiratória Aguda.

"Imagine o paciente que já tem doença cardíaca ativa e agora tem o seu pulmão acometido pela doença. Não há dúvidas que essa combinação de coração e pulmão ruins vai contribuir para a má evolução da doença. Ainda assim, o paciente que tem alguma doença cardíaca prévia, mesmo que controlada naquele momento, ao contrair o coronavírus, terá uma grande chance de descompensar clinicamente e evoluir para as formas mais graves da doença", alerta.

A explicação para a má evolução do quadro, segundo cardiologista, tem relação com o fato do paciente cardiopata ter a imunidade comprometida, sendo muito mais suscetível a ter quadros mais graves quando adquirem doenças infecciosas. "Imagine que o nosso coração é nossa bomba, o nosso motor. Quando ele não está 100%, acaba prejudicando todo o funcionamento do organismo, inclusive com relação às doenças infeciosas, como é o caso do Covid-19", diz.

Outro fator é que os cardiopatas, não raramente, são hipertensos, diabéticos, obesos e muitos tem doenças pulmonares associadas, o que pode piorar ainda mais os quadros infecciosos e aumentar a morbimortalidade da temível doença.

O cardiologista alerta ainda para que já existem casos de pacientes, que ao contraírem o novo coronavírus, desenvolveram miocardite, uma inflamação da musculatura do coração. "Muitos evoluíram para quadros de insuficiência cardíaca. Outros apresentaram piora de doenças pré-existentes como doenças isquêmicas cardíacas, e até piora de algumas arritmias cardíacas", alerta.

Além da vacinação e do cuidado com o isolamento, esses pacientes podem adotar algum cuidado preventivo ou que possa diminuir a gravidade da Covid-19?

Para o cardiologista, o mais importante é que esses pacientes evitem ao máximo contrair essa doença. "Os cardiopatas devem manter o acompanhamento com o médico cardiologista, além de manter o uso de todas as medicações prescritas de uso contínuo. Os cuidados preventivos devem ser redobrados. As orientações são as mesmas: evitar aglomerações, sair de casa somente em caso de real necessidade, lavar bem as mãos com água e sabão e usar álcool em gel", recomenda.

Em casos de sintomas como febre, cansaço, dor no corpo e tosse, o Dr. Roberto Yano alerta para a necessidade de procurar o atendimento de emergência quanto antes. "Mesmo se não houver dispneia (falta de ar), quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maiores as hipóteses de cura. Outro ponto é que há muitos pacientes morrendo em casa de infarto ou morte súbita, por exemplo, pelo receio de procurar um hospital, por isso ao sentir sintomas cardíacos como dor no peito, falta de ar e palpitações, o paciente deve procurar, o mais rápido possível, um pronto atendimento", alerta.


29 de janeiro de 2021 - Notícia - Portal NippoBrasil

 




 Notícias
15/06/2021
18 de junho, transmissão online da celebração budista em memória aos pioneiros da Imigração Japonesa no Brasil
01/06/2021
CENIBRA abre inscrições para o Programa de Estágio 2021/2022
17/05/2021
15º Bunka Matsuri com transmissão online nos dias 22 e 23 de maio
04/05/2021
Em maio começa processo seletivo para Bolsa de Estudo do Governo Japonês
22/04/2021
Cesar Yukio lança Masterclass de Panificação Oriental em parceria com Food Web
07/04/2021
Seis aprendizados em um ano de home office
07/04/2021
Podcast Japão sem Escalas lança nova temporada em abril com episódios sobre cultura pop
09/03/2021
Entrevista com ceramista Megumi Yuasa no Festival de Arte Cerâmica online
26/02/2021
Ex-vereador Masataka Ota morre em São Paulo
22/02/2021
Homenagem aos 61 anos do Imperador Naruhito será transmitido pelo Bunlyo Digital neste dia 23/02
29/01/2021
Cardiologista explica sobre a importância da vacinação em pessoas cardíacas
18/01/2021
Curso on-line de origami em 21/01
15/01/2021
Espetáculo inédito de butô, protagonizado por Emilie Sugai
12/01/2021
Japão fecha temporariamente a entrada de estrangeiros até o dia 31/01/2021
23/12/2020
Vamos de Kamishibai! Projeto on-line da Fundação Japão SP
17/12/2020
92º Concerto Bunkyo online
04/12/2020
O filme "Fukushima: Ameaça Nuclear" está disponível nas plataformas de streaming
18/11/2020
Campanha Solidária Kazu Cake da JCI
23/10/2020
1º Japan Dance Camp online nos dias 13 e 14 de novembro
22/10/2020
Joji, o artista nipo-australiano mais popular da atualidade, confirma live de seu novo álbum
15/10/2020
Congresso Mundial da Câmara Júnior Internacional online
21/09/2020
Mostra Sakura-Ipê da UFPB transmitida pelo canal youtube


A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippo.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2021 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados