PORTAL NIPPOBRASIL ONLINE - 19 ANOS
-
Fale conosco: adm@nippo.com.br   
Segunda-feira, 10 de agosto de 2020 - 2h48
DESTAQUES:
  Empregos no Japão

  Busca
 

SEÇÕES
Comunidade
Opinião
Circuito
Notícias
Agenda
Dekassegui
Entrevistas
Especial
-
VARIEDADES
Aula de Japonês
Automóveis
Artesanato
Beleza
Bichos
Budô
Comidas do Japão
Cultura-Tradicional
Culinária
Haicai
História do Japão
Horóscopo
Lendas do Japão
Mangá
Pesca
Saúde
Turismo-Brasil
Turismo-Japão
-
ESPORTES
Copa 2014
-
ESPECIAIS
Imigração
Tratado Amizade
Bomba Hiroshima
Japan House
Festival do Japão
-
COLUNAS
Conversando RH
Mensagens
Shinyashiki
-
CLASSIFICADOS
Econômico
Empregos BR
Guia Profissionais
Imóveis
Oportunidades
Ponto de Encontro
-
INSTITUCIONAL
Redação
Quem somos
-
11/03/2011 - Notícias - NippoBrasil
Terremoto de 8,8 pontos atinge o Japão e provoca tsunamis
Oficialmente ao menos 8.649 pessoas morreram e 12.887 estão
desaparecidos em decorrência do terremoto e tsunami
 
• Colabore
Se você está no Japão e sentiu de perto o terremoto, envie sua foto ou vídeo para webmaster@nippo.com.br para ser publicada em nosso site.

Um forte terremoto atingiu a região nordeste do Japão às 02h46 do dia 11 (14h46 em Tóquio). As províncias mais afetadas foram Miyagi, Iwate, Fukushima e Ibaragi. O tremor foi de magnitude 8,8, o maior desde que o Japão começou a registrar as atividades sísmicas, em 1923.

As cidades de Natori (Miyagi) , Iwaki (Fukushima), Kesennuma (Miyagi), Ishimaki (Miyagi), Yamada (Iwate), Soma (Fukushima), Hachinohe (Aomori), Kamaishi (Iwate), Ofunato (Iwate), Oarai (Ibaragi) foram atingidas por tsunami de até 10 metros. A onda gigante subiu pelo rio Natori e atingiu também a cidade de Sendai e o aeroporto de Sendai, a 1 km da costa, ficou submerso. Em Ofunato mais de 300 casas foram levadas pela onda gigantesca.

A polícia de Miyagi divulgou que foram encontrados mais de 200 corpos no bairro costeiro de Arahama, Sendai.

O governo também retirou os 2 mil moradores das proximidades da usina atômica de Fukushima, pela primeira vez desde a sua construção em 2000. Segundo o chefe do gabinete do governo, Sachio Edano, não há vazamento de radiação, mas optou-se pela evacuação por precaução, já que o sistema de resfriamento apresentou problemas.

Aporta-voz da Agência Meteorológica do Japão falou que a agência não previa terremoto tão forte na região de Sanriku (costa leste do Japão que vai de Iwate a Aomori), e alertou que é necessário atenção com réplicas de terremoto por até um mês. Os tremores podem chegar a magnitude 7. Falou também que 49 pontos de medição de Tóquio e 8 províncias estão inoperantes por causa do sismo.

Outras regiões
Mesmo em regiões afastadas do epicentro o tremor foi sentido. Em Tóquio foi registrado terremoto de magnitude 5. Trens e metrôs tiveram viagens interrompidas, afetando a volta de trabalhadores para casa. Pessoas que não tinham como retornar a bairros ou cidades afastadas de seu local de trabalho foram abrigadas em escolas e faculdades.

Em Hokkaido foi emitido ordem de evacuação para mais de 34 mil pessoas residentes em cidades costeiras como Hakodate e Nemuro. Outras 47 mil foram recomendadas a procurarem abrigo.

Em Osaka, pessoas ficaram presas em elevadores no prédio do governo da província. Na ilha de Shikoku barcos foram virados com a força das ondas.

Transportes
A maioria das estradas que ligam a região de Tohoku (norte) a Tóquio está interrompida para tráfego. As vias expressas que cortam a capital do Japão também estão fechadas.

A JR Leste divulgou que todas as linhas da região de Tohoku estão paralizadas, sem previsão de volta das operações.

O transporte aéreo foi duramente afetado, com suspenção de 711 voos. Além do aeroporto de Sendai que ficou submerso, o aeroporto internacional de Narita ficou fechado para teste de segurança após o tremor. O aeroporto de Haneda também ficou fechado por algumas horas. O monotrilho que liga o aeroporto ao centro da metrópole foiinterrompido. Os voos que chegariam a Narita e Haneda foram desviados para os aeroportos de Osaka e Chubu.

Ajuda
O ministério da Saúde, Trabalho e Bem-estar Social enviou equipes do DMAT (Assistência Médica para Desastres) para as províncias de Miyagi, Iwate, Fukushima e Ibaragi.

O Escritório para a Coordenação de Assuntos Humanitários da ONU anunciou o envio de 35 equipes de socorristas e médicos.

 
Saiba o que fazer caso haja um terremoto
Medidas tomadas antes e segundos depois do terremoto podem salvar sua vida
 
No Japão preciso estar preparado para todos os tipos de terremotos. O importante é sempre manter a calma e seguir algumas instruções básicas.

Como forma de prevenção, tome as medidas a seguir: prenda armários ou móveis e objetos que possam cair sobre você e sua família; saiba onde fica o refúgio (hinanjo) mais perto de sua casa; marque previamente um local de encontro com a família caso haja um tremor, de preferência nos locais de refúgio; confira quanto tempo leva andando do seu local de trabalho ou escola até o refúgio; conheça outros atalhos ao refúgio caso o caminho principal esteja obstruído; use o número 171 para deixar recados para familiares e amigos; prepare e mantenha renovado o kit terremoto.

Veja algumas recomendações depois de ocorrido um tremor:

 

NOS PRIMEIROS SEGUNDOS

• Apague o fogo, desligue o gás e desconecte da tomada os aparelhos elétricos que estiver usando. Em algumas cidades já existe um mecanismo que impede que o gás vaze caso haja um terremoto. Se informe na companhia que fornece gás para sua residência.

• Se proteja embaixo de uma mesa resistente. Se possível cubra a cabeça com uma almofada ou toalha.

• Abra a porta para garantir a fuga.

• Não saia correndo para a rua durante o terremoto. O melhor é procurar um lugar seguro dentro do próprio recinto.

• Se estiver dirigindo, pare imediatamente junto à calçada e desligar o motor. Não pare no meio da rua. Quando sair do carro, deixe a chave na ignição.

NOS PRIMEIROS MINUTOS

• Em caso de incêndio, apague imediatamente as chamas utilizando o extintor e grite kaji (incêndio) para alertar os vizinhos. Verifique se está usando o extintor correto.

• Tente colher o máximo de informações pela TV, rádio, celular ou internet.

DEPOIS DE TRÊS MINUTOS

• Vá para o refúgio mais próximo. Tenha sempre à mão o kit terremoto, que deve ser guardado próximo à porta de saída. Não tente retornar para casa sem antes saber se ela corre perigo de desabar.

• Quem mora próximo à praia, deve ficar atento ao alerta de maremoto (tsunami). Nesse caso, buscar refúgio em um terreno elevado. Encostas de rios também oferecem perigo. Deixe o local o mais rápido possível.

• Fique longe de muros e máquinas automáticas (didohanbike).

• Evite encostas e montanhas. Pode ocorrer um desmoronamento ou deslizamento.

• Não refugiar-se no automóvel.

• Busque os filhos na escola ou entre em contato para saber que medidas ela está tomando. Em muitos locais a própria escola é o local de refúgio. Informe-se sobre isso.

• Aguarde os familiares no local de refúgio por pelo menos 12 horas. Não deixe o lcoal para procurar familiares. Comunique o desaparecimento à defesa civil no refúgio.

 



 Notícias
06/08/2020
Oficina Leitura Divertida com origamis - 3R´s, online e gratuita
05/08/2020
Matrículas abertas para o curso gratuito de japonês online Marugoto que começa em setembro
23/07/2020
Clientes do Banco Toyota do Brasil podem prorrogar parcelas por mais 4 meses
14/07/2020
Secretaria do Bunkyo SP reabre no dia 15 de julho com horário reduzido
30/06/2020
Curso intensivo de Japonês online para o mês de julho
29/06/2020
Histórias contadas com origamis
22/06/2020
Rádio e TV Nikkey estreiam programação com foto em saúde e bem estar
19/06/2020
Dia Internacional do Nikkei será comemorado no dia 20/06 ao vivo pela internet
18/06/2020
Comemoração dos 112 anos da imigração japonesa será transmitida hoje pela internet
17/06/2020
Movimento Água no Feijão planeja nova fase em Heliópolis e outras frentes
16/06/2020
39ª Expoflora será adiada para 2021
08/06/2020
Pedro Ogata, participante do The Voice Kids 2020, já tem novos projetos
05/06/2020
Governo japonês mantém proibição de entrada de pessoas de mais de cem países até 30 de junho
05/06/2020
Primeiro-ministro do Japão revoga a declaração do estado de emergência em todo Japão no dia 25 de maio
26/05/2020
Museu da Imigração e Pavilhão Japonês lançam campanha
19/05/2020
Bunka Matsuri online neste fim de semana
11/05/2020
Sebrae: transmissões ao vivo com conteúdos voltados ao pequeno negócio
11/05/2020
Faça Mágicas em Casa com o ilusionista Mario Kamia
05/05/2020
Fundação Japão promove concurso de fotografia para relembrar eventos que mais marcaram o público

© Copyright 1992 - 2016 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante.
Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

Sobre o Portal NippoBrasil | Fale com o Nippo