Portal NippoBrasil - OnLine - 17 anos
Quarta-feira, 20 de setembro de 2017 - 9h42
  Empregos no Japão

  Busca
 
  Seções NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Budô
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   120 anos de Amizade  Japão-Brasil
   Bomba de Hiroshima
   Japan House
   Festival do Japão 2016
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
 Veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos


12 de abril de 2017 - Notícia - Portal NippoBrasil
 

CCBB São Paulo realiza o II SPHarpFestival
– Festival Internacional de Harpas

Músicos com influências da Argentina, Índia, Itália, Japão e Brasil
 

De 26 a 30 de abril, o Centro Cultural Banco do Brasil apresenta o II SPHarpFestival – Festival Internacional de Harpas com vários números musicais durante o dia e um total de 15 apresentações de música popular, folclórica e erudita. Os eventos acontecem no teatro com entrada franca.

Serão vários tipos de harpas: clássica, tripla, koto (japonesa), paraguaia, céltica, santoor (indiana), ngoni, elétrica, yassi e miniharpa.

Entre os destaques internacionais está o Duo Arphangeli com harpa céltica e voz, da Itália. O grupo pesquisa música celta antiga. E dois argentinos: Athy na Harpa elétrica interpretando world harp music, uma mistura de música erudita com a dramaticidade do tango, a medievalidade da música celta, a dissonância da música árabe, a criatividade do jazz e as batidas ritmadas da música eletrônica. Cheio de tatuagens, piercings, arquétipo em uma estética de filmes do Tim Burton, Athy brinca com sua harpa amarrado ao corpo como uma guitarra elétrica original e inovadora. E Dario Andino que toca MPB.

Com influência japonesa, o Trio Kagurazaka é formado por Shen Ribeiro que toca flauta shakuhachi, Tamie Kitahara que toca koto e shamisen, tradicionais instrumentos de cordas do Japão, e Gabriel Levy no acordeom. Tamie Kitahara é japonesa, migrou para o Brasil em 1955. Em 1987, Shen Ribeiro foi morar por vários anos no Japão, onde estudou shakuhachi, instrumento de sopro oriental que vai tocar na apresentação.

O grupo Calidoscopium interpreta um encontro multifacetado entre a música erudita e o rock. Os músicos são Tatiana Henna na harpa, Alan Kaminska no baixo, André Mietto no teclado e Doug Almeida, guitarra.

Vanja Ferreira é graduada em Harpa há UFRJ e fará apresentação com a flautista Lourdes Carvalho.

Marcelo Penido tem mestrado e doutorado em harpa nos Estados Unidos. Ele participou da trilha sonora das novelas "Os Dez Mandamentos" e "O Rico e Lázaro" e foi harpista da OSESP. Aline Dríade tem um trabalho com música folclórica.

Nando Araújo Trio toca harpa céltica, viola caipira e rabeca. O grupo interpreta músicas renascentistas e medievais, obras autorais e releituras de canções dos Beatles com arranjos para o seu quarteto, tais como: Eleanor Rigby, Norwegian Wood, All You Need Is Love, Tick To Ride, I Love Her, Across The Universe, entre outras.

A Burning Symphony traz harpas céltica e elétrica, violoncelo e bateria. No repertório muito rock, heavy metal, power metal e metal sinfônico. Dario Andino na harpa paraguaia e Cinthia Almeida na voz interpretam música popular brasileira e latino-americanas com canções de Nando Reis, Paulinho da Viola, Beto Guedes, Jorge Vercillo, Marcos Valle, entre outros. Participam com eles o Vento Celta, um grupo de harpa Yassy.

Outro destaque será o grupo NadaBhaktas (Prem Ramam, Gui Cavalcanti e Sita Beatriz) que realizará um concerto meditativo com orações musicais em fusão devocional, mantras, preces e improvisações. O grupo toca santoor (harpa indiana), ngoni (africana), miniharpa e violino.

Currículo do Trio Kagurazaka

Trio Kagurazaka - o nome do grupo é inspirado em um bairro tradicional de Tóquio onde vivem muitos músicos e artistas.

Shen Ribeiro é natural de Botucatu, Shen teve uma educação musical tradicional até, em 1987, partir para o Japão, onde morou por vários anos, estudando shakuhachi. Ingressando na Universidade de Belas Artes de Tóquio, foi convidado a tocar para o Imperador do Japão. Tem seis CDs gravados, entre eles Brazilian Music for the Shakuhachi, projeto que uniu a flauta tradicional japonesa à música popular brasileira. Retornou ao Brasil em 2003 – desde então é diretor do Estúdio Salaviva da Associação Cultural Cachuera!. Como concertista, vem apresentando-se em inúmeras salas do Brasil, Japão e Europa, interpretando um repertório que mescla temas clássicos, populares e tradicionais.

Tamie Kitahara é nascida na província de Yamaguchi, no Japão. Estudou desde criança o koto e, posteriormente, o shamisen. Em 1996 recebeu da Associação Japonesa Seiha Hougakukai o título de Mestre, com o nome artístico Utahito. Desde então, dedica-se à formação de alunos, principalmente crianças e jovens. É membro da Associação Brasileira de Música Clássica e presidente do grupo Seiha Brasil de Koto.

Emi Kitahara toca koto desde 1985, dedicando-se ao estilo Ikuta-Seiha. Em 1995 iniciou o estudo do Jyushitigen – koto de 17 cordas – no Japão. Em 2009 foi aprovada em exame de aperfeiçoamento, tornando-se mestra e recebendo então o nome artístico Utami, da escola Ikuta Seiha do Japão. Desde então viaja ao Japão para aperfeiçoamento das técnicas dos instrumentos koto e jyushitigen. Atualmente faz parte do grupo Seiha Brasil de Koto.


Serviço:
II SPHarpFestival
- CCBB- São Paulo
Quando: de 26 a 30 de abril, quarta-feira a domingo
Horários das apresentações: Quarta-feira a sábado: às 13h, 17h e 20h e domingo: 13h, 15h e 18h
Onde: Centro Cultural Banco do Brasil – São Paulo ( Rua Álvares Penteado, 112 – Centro-SP)
Classificação indicativa: livre
Entrada Franca
Mais informações: www.bb.com.br/cultura ou www.facebook.com/ccbbsp

Estacionamento conveniado: Estapar Estacionamentos - Rua Santo Amaro, 272 - R$ 15,00 pelo período de 5 horas. Necessário validar o ticket na bilheteria do CCBB. Transporte gratuito até as proximidades do CCBB - embarque e desembarque na Rua Santo Amaro, 272 e na Rua da Quitanda, próximo ao CCBB. No trajeto de volta, tem parada no Metrô República.


Programação

Dia 26 de abril - 4. feira:
13h- Trio Kagurazaka: Shen Ribeiro (flauta shakuhachi), Tamie Kitahara (koto e shamisen e voz) e Emi Kitahara (koto)

Programa: música brasileira e japonesa do século 18 até a década de 60

17h – Calidoscopium: Tatiana Henna (harpa), Alan Kaminska (baixo), André Mietto (teclado) e Doug Almeida (guitarra)

Programa: música erudita e rock

20h - Duo Arphangeli: Enrico Euron (Harpa Céltica) e Anne Gaelle Cuif (Voz) – Itália

Programa: canções da tradição irlandesa e escocesa dos séculos XVIII e XIX, dos harpistas irlandeses dos séculos XVII-XVIII e irlandesas tradicionais de amor, luta e fé

Dia 27 de abril - 5. feira:
13h - Duo Arphangeli: Enrico Euron (Harpa Céltica) e Anne Gaelle Cuif (Voz) – Itália

Programa: canções da tradição irlandesa e escocesa dos séculos XVIII e XIX, dos harpistas irlandeses dos séculos XVII-XVIII e irlandesas tradicionais de amor, luta e fé

17h – NadaBhaktas: Prem Ramam (santoor, ngoni e miniharpa), Gui Cavalcanti (sintetizadores) e Sita Beatriz (voz)

Programa: Harpas étnicas, mantras clássicos e sonoridades eletrônicas- Índia

20h - Duo Marcelo Penido (harpa) e Aline Driade (canto) – Brasil

Programa: Música clássica e folclórica.

Dia 28 de abril - 6. feira:
13h – Athy (Harpa elétrica) - Argentina

Programa: world harp music, uma mistura de música erudita com a dramaticidade do tango, a medievalidade da música celta, a dissonância da música árabe, a criatividade do jazz e as batidas ritmadas da música eletrônica.

17h - Duo Arphangeli: Enrico Euron (Harpa Céltica) e Anne Gaelle Cuif (Voz) – Itália

Programa: canções da tradição irlandesa e escocesa dos séculos XVIII e XIX, dos harpistas irlandeses dos séculos XVII-XVIII e irlandesas tradicionais de amor, luta e fé

20h - Vanja Ferreira (harpa) e Lourdes Carvalho (Flauta) - Brasil

Programa: música erudita e popular

Dia 29 de abril- Sábado
13h - NadaBhaktas: Prem Ramam (santoor, ngoni e miniharpa), Gui Cavalcanti (sintetizadores) e Sita Beatriz

Programa: Harpas étnicas, mantras clássicos e sonoridades eletrônicas- Índia

17h - Burning Symphony: Jonathan Faganello (Harpa), Pedro Bortolin (Violoncelo) e Celso Lazzarini (Flauta)

Programa: Rock, Heavy Metal, Power Metal e Metal Sinfônico

Iron Maiden: Fear of the dark, The Wicker man, blood brothers

20h - Nando Araujo Trio: Nando Araujo (Harpa céltica), José Gustavo (viola caipira) e Sara Sesca (rabeca) - Brasil

Programa: músicas renascentistas e medievais, obras autorais e releituras de canções dos Beatles com arranjos para o seu quarteto

Dia 30 de abril- Domingo
13h - Duo Dario Andino (Harpa) e Cinthia Almeida (Voz). Convidados: Vento Celta/ Grupo de Harpa Yassy - Argentina/Brasil

Programa: Música Popular Brasileira

15h - Duo Arphangeli: Enrico Euron (Harpa Céltica) e Anne Gaelle Cuif (Voz) – Itália

Programa: canções da tradição irlandesa e escocesa dos séculos XVIII e XIX, dos harpistas irlandeses dos séculos XVII-XVIII e irlandesas tradicionais de amor, luta e fé

18h - Athy (Harpa elétrica) - Argentina

Programa: world harp music, uma mistura de música erudita com a dramaticidade do tango, a medievalidade da música celta, a dissonância da música árabe, a criatividade do jazz e as batidas ritmadas da música eletrônica.






 Notícias
18/09/2017
Ikigai – Unindo Gerações
15/09/2017
Honda revela o Conceito Urban EV e sistema de energia inteligente no Salão do Automóvel de Frankfurt 2017
15/09/2017
Inauguração do restaurante Japan Tower no centro de São Paulo
14/09/2017
Um ano de Japão: apaixonado pelo país, Anderson Lopes comemora números e carinho dos fãs
13/09/2017
Lendas e manifestações folclóricas ilustram 8ª Exposição de Washi-ê
08/09/2017
Erica Mizutani volta a Paris para participar do mural efêmero 13'or urbain
06/09/2017
Miniso, concorrente da japonesa Daiso chega ao Brasil
01/09/2017
Aliança Cultural promove evento para apresentar seus cursos
29/08/2017
Festival do Pescado e Frutos do Mar Ceagesp começa dia 30/08
18/08/2017
Taste of São Paulo oferece aulas gratuitas de gastronomia no Clube Hípico de Santo Amaro
15/08/2017
Exame de Proficiência em Língua Japonesa 2017
09/08/2017
Dr Shiro Miyasaka morre aos 92 anos
25/07/2017
Aliança Cultural Brasil-Japão inaugura novo espaço em Pinheiros
12/07/2017
Dia 29/07 tem workshop sobre o Exame de Proficiência em Língua Japonesa
10/07/2017
Orquideoterapia é o tema do 12° Festival de Orquídeas e Plantas Ornamentais de São Roque
19/06/2017
Artista plástico e músico Vitoru Kinjo apresenta seu primeiro disco, Kinjo
02/06/2017
Hospital Santa Cruz realiza 1º Fórum de Anestesia em Oftalmologia
29/05/2017
Hospital Santa Cruz promoveu, em maio, palestra sobre Sistema de Produção Toyota na área da saúde

A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippobrasil.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2017 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

123 usuários online


Redação: editor@nippo.com.br

Diretoria: diretoria@nippo.com.br

Vendas: anuncie@nippo.com.br

Tel: (11) 9 5371 4019 (TIM)

Mais contatos e envio de releases