PORTAL NIPPOBRASIL ONLINE - 16 ANOS
-
Redação: editor@nippo.com.br | Diretoria: diretoria@nippo.com.br 
Vendas:anuncie@nippo.com.br ou adm@nippo.com.br
ou tel: (11) 96898 1326
Sábado, 01 de novembro de 2014 - 6h05
DESTAQUES:
  Empregos no Japão

  Busca
 
  NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Dinheiro
   Ensaio NB
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   Salão do Automóvel
   Bomba de Hiroshima
   Festival do Japão 2014
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
  O veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos
28/09/2011 - Notícias - NippoBrasil
Aprovada MP que permite redução no preço dos 'tablets'
Aprovada MP que permite redução no preço dos 'tablets'

(Fonte: Assessoria Assessoria Agência Senado Foto: Waldemir Barreto / Agência Senado

O Senado aprovou nesta quarta-feira (21) o Projeto de Lei de Conversão 23/11, decorrente da Medida Provisória 534/11, que isenta do pagamento de PIS e Cofins os tablets produzidos no Brasil. A proposta também amplia o prazo de implantação de Zonas de Processamento de Exportação (ZPEs), normatiza a contribuição previdenciária de contribuintes individuais e facultativos e prorroga a isenção do Adicional ao Frete para a Renovação da Marinha Mercante (AFRMM) para navegação fluvial e lacustre que tenham saída ou destino em portos do Norte e do Nordeste. Aprovado por unanimidade, o projeto segue agora para sanção presidencial.

O PLV 23/11 inclui os tablets na Lei 11.196/05, conhecida como Lei do Bem, reduzindo a zero as alíquotas da contribuição para o PIS e Cofins incidentes sobre a receita bruta da venda a varejo desses produtos. Com sua inclusão nos incentivos fiscais do Programa de Inclusão Digital (PID), o governo federal pretende reduzir em mais de 30% o preço final do produto ao consumidor.

Relator da proposta no Senado, o senador Eduardo Braga (PMDB-AM) defendeu que os tablets possuem "grande potencial de venda, tanto no mercado interno quanto no externo", o que justifica a exigência de fabricação do produto no Brasil.

- A medida melhorará o perfil das exportações brasileiras, ainda fortemente calcadas em produtos primários, e contribuirá para o equilíbrio do balanço de transações correntes. Segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, em 2010, os bens de tecnologia da informação e comunicação (TIC) apresentaram déficit na balança comercial de 18,9 bilhões de dólares - afirmou.

Senador do Amazonas, Eduardo Braga também foi autor da emenda aprovada na Câmara que alterou as especificações do produto,incluindo a ressalva de que os aparelhos não podem possuir "função de controle remoto". Com a mudança, os tablets passam a ser classificados como "máquinas de processamento de dados, portáteis, sem teclado, que tenham uma unidade central de processamento com entrada e saída de dados por meio de uma tela sensível ao toque de área superior a 140 e inferior a 600 cm² e que não possuam função de comando remoto".

Zona Franca de Manaus

O detalhamento das especificações era uma preocupação dos parlamentares da região Norte. Eles lutaram para evitar a ampliação do benefício fiscal às telas de celulares e de televisores fabricadas em outras regiões do país, assegurando assim a competitividade das indústrias instaladas no Pólo Industrial de Manaus, que fabricam esses produtos e já recebem outros incentivos.

Outra emenda incluída na Câmara foi o aumento em um ponto percentual do crédito da Cofins recebido pela pessoa jurídica que adquirir tablets fabricados na Zona Franca de Manaus. A intenção é incentivar o comércio de produtos fabricados na Zona Franca e impedir que a região seja preterida em favor de áreas mais desenvolvidas e bem localizadas, como o interior de São Paulo. Segundo o relator da proposta, a compensação pela renúncia fiscal decorrente do aumento do crédito da Cofins virá da receita oriunda da venda dos tablets pela própria Zona Franca.

- Nossa preocupação maior, da bancada do Amazonas, que tem um importante pólo industrial de eletroeletrônicos, era não permitir que a Zona Franca de Manaus fosse prejudicada, perdesse a competitividade e a oportunidade de participar, ao lado de outros estados brasileiros, do processo de produção de tablets no Brasil - afirmou a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), defendendo que o Senado conseguiu um equilíbrio entre os interesses dos estados e os interesses do país.

O senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) também elogiou o PLV 23/11 que, ao incentivar o desenvolvimento da indústria de ponta no país, contribui para a preservação de florestas. O senador alertou, no entanto, para a necessidade de se evitar que o Brasil seja apenas um montador de equipamentos, defendendo o desenvolvimento de tecnologia de ponta no país.

Ação retroativa

O PLV 23/11 determina que a desoneração de PIS/Pasep e Cofins sobre a venda a varejo dos tablets retroagirá a 20 de maio de 2011, data da assinatura da MP 534/11. O projeto prevê ainda que a isenção de impostos não se aplica aos produtos comercializados por empresas optantes do Simples Nacional, que já possuem outros incentivos fiscais


 




 Notícias
30/10/2014
Doação do Governo Japonês à Santa Casa de Bandeirantes no Paraná
20/10/2014
Ministras do Japão renunciam após divulgação de irregularidades
15/10/2014
Rakuten anuncia lançamento de novos serviços para clientes no Brasil
29/09/2014
Lançado livro sobre a Igreja Messiânica no Brasil
28/08/2014
Primeiro caso de dengue transmitido localmente no Japão
28/08/2014
Torcedor japonês é banido após insultar jogador brasileiro
26/08/2014
Aposentada nikkei procura familiares em São Paulo
07/08/2014
Shinzo Abe é recepcionado pelo Grupo Parlamentar Brasil-Japão
05/08/2014
Brasil e Japão firmam cooperação na área de saúde
04/08/2014
Primeiro-ministro do Japão destaca papel do Brasil na relação com América Latina
25/07/2014
Primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, vem ao Brasil
24/07/2014
Unicamp oficializa Instituto Confúcio
23/07/2014
Mitsubishi Motors abre canal de atendimento via WhatsApp
10/07/2014
Paraíba sedia copa do mundo de futebol de robôs
17/06/2014
Jogador japonês de futebol Nakata abre café temporário em São Paulo
21/05/2014
Japão publica recomendações para os turistas que virão ao Brasil na Copa
13/05/2014
Inscrição para bolsa de estudo japonês vai até 30 de maio
13/05/2014
Sucesso do 6º Nikkei Fest em Presidente Prudente
18/04/2014
Japão autoriza exportação de armas pela primeira vez em quase 50 anos
10/04/2014
Praça Dr. Takeshi Honda será inaugurada em São Paulo
08/04/2014
FAPESP e instituição japonesa JSPS anunciam chamada de propostas
01/04/2014
'Japonesa Voadora', Helena Deyama, dá show no Rally da Ilha
31/03/2014
Lançamento do livro “Educação Familiar-presente e futuro” de Içami Tiba
13/02/2014
Comissão do 17º Festival do Japão é recebida pelo governador Geraldo Alckmin
10/02/2014
Prefeitura de São Paulo lança dicionário de “paulistanês” para turistas da Copa
04/02/2014
Terremoto de Nankai pode alcançar o mais alto nível de intensidade em Nagoya

© Copyright 1992 - 2014 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante.
Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

Sobre o Portal NippoBrasil | Fale com o Nippo |  Anuncie - Mída Kit