Portal NippoBrasil - OnLine - 19 anos
Quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020 - 16h56
 

45º Keiroukai da Renmei realizado no RJ

Com grande carinho à Melhor Idade, a Renmei - Associação Cultural e Esportiva Nipo-Brasileira do Estado do Rio de Janeiro realizou o "45º Keiroukai", na Associação Nikkei do Rio de Janeiro, em 20 de outubro de 2019. O evento teve apoio da Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Rio de Janeiro e Rio Nikkei. No palco, o painel - feito por alunos da Escola Japonesa do Rio de Janeiro – transmitiu: "Itsumademo Ogenkide"/"Eternamente tenham saúde" em hiragana (escrita silábica) , e "Musubou/Façamos laços de amizade", "Kokoro/Coração", "Egao/Sorriso", "Mirai/Futuro" em kanji (ideogramas).

Com apresentação de Mari Fujiwara, voluntária sênior da JICA, fizeram saudações de abertura: Minoru Matsuura, presidente da Renmei, e Toshiya Asahi, presidente da Câmara Japonesa. Palavras de congratulação foram proferidas por cônsul-geral do Japão Tetsuya Otsuru, presidente do Instituto Cultural Brasil-Japão, Sohaku Bastos, e diretor da Escola Japonesa, Kiyoto Hikichi.

Após belas interpretações por Noboru Fujita, cantor de "Verdade, Bem e Belo”, a apresentadora Mari Fujiwara fez leitura de nomes, idades, instituições e cidades dos idosos do estado do Rio de Janeiro.

A segunda parte do evento, apresentada pela diretora cultural da Rio Nikkei, Shirley Yurica Kanamori Atsumi, foi iniciada com "Nankin Tamasudare/Cortina de vime de Nankin", arte performática tradicional, pela tocadora de taiko Sora Matsudaira, 11 anos, acompanhada pelos pais Yutaka e Yo, e irmão Haruka. Seguiram-se números do Rio Nikkei Taiko com participação de crianças: a animação infantil foi contagiante. As músicas japonesas, tocadas com os corações, decerto sintonizaram com os dos idosos que, depois dos 60 anos, estão vivendo suas novas idades.

O "Show da Imigração Japonesa no estado do RJ" - produzido por Fábio Toma e estrelado pelos artistas/cantores Angelaísa Toyota, Takeshi Nishimura, Paula Hirama e Sergio Tanigawa - emocionou a plateia. Episódios entremeados de danças e canções envolventes transmitiram chegada ao Brasil, adaptação dos imigrantes pioneiros a hábitos diferentes; momentos difíceis de pós-guerra; solidariedade e união em instituições japonesas que se formaram, transmitindo cultura e tradição nipônicas e reforçando laços Brasil-Japão. Após o espetáculo os artistas e produtor receberam carinho do público conquistado.

Kiyoshi e Michiko Ami, presidente e primeira dama da Associação Nikkei de Petrópolis, e seu grupo de Bon Odori, ensinaram a sequência de movimentos para dançar "Tokyo Gorin Ondo 2020", canção tema de Olimpíadas de Tóquio. Até o cônsul-geral Tetsuya Otsuru, vice-cônsul Takashi Goto, e cantor Noboru Fujita participaram da roda dançante.

Texto e fotos de Teruko Okagawa Monteiro

 

A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippobrasil.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de dekassegui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2019 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados